POEMAÇÃO

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

terça-feira, 4 de novembro de 2014

SE QUER SER CANTOR TAMBÉM SOU...



         Olá queridos visitantes, estamos inaugurando uma nova  era de comunicação e informação, permeado pela tecnologia digital. Com a evolução da internet para chamada web 2.0. aumentou o nível de interatividade e compartilhamento entre os usuários o que junto com o advento das redes sociais potencializou a cidadania e o ativismo social, nesses tempos de crise ética e moral de todos os sistemas sociais e políticos, grupos organizados de hackers (Anônimos) ajudaram povos do oriente a se livrarem de ditaduras cruéis e tirânicas a exemplo da Tunísia e do Egito.
    Poemação não poderia ficar de fora desse momento e estamos acrescentando ao blog ferramentas de comunicação. O chat "Amálgama de mentes" ou "dementes no sentido de ser um turbilhão de idéias e cabeças que poderão interagir e se provocarem à volanté ( a sala é aberta para os que estão online). Você também poderá marcar um encontro com algum amigo(a) e conversar privadamente no chat, usando microfone ou web cam, eu sinceramente prefiro escrever. Aproveitando o possível aumento do fluxo de internautas, iremos disponibilizar uma série de videos premiados de animação e documentários e outros de igual interesse. O primeiro vídeo é o premiado Qualquer Nota de "Marcelo Mourão" no festival AnimaMundi .








       A Vida - The Life

Uma metáfora baseada na tradição totêmica.




  




    Ilha das flôres, Urso de Prata no Festival de Berlim, melhor curta no Festival de Gramado entre outros prémios, trata-se de um documentário de caráter experimental com uma narrativa linkada própria da web, e esse é um curta de 1989, uma viagem usando a maiêutica socrática. Do diretor Jorge Furtado, uma crítica a sociedade de consumo, sua mecânica, o processo de enriquecimento e geração de desigualdades, tudo isso na trajetória de um simples tomate. 



   Esse vídeo é um documentário biográfico dos diretores: Claudio Dager e Leandro Petersen,  pra quem lembra dos velhos tempos da rádio Mundial. São gravações antigas, fotografias, videografismos e depoimentos de profissionais de rádio que contam  as incríveis performances do radialista Big Boy em sua trajetória pelos caminhos da música Pop com sua linguagem moderna e inesquecível, um cara que revolucionou o rádio e que encurtou o tempo de lançamento dos sucessos da música estrangeira aqui no Brasil, direto do Porta Curtas .




   


Um comentário:

pmo gamer disse...

Parabéns mestre Ajax pelo Blog de grande contribuição cultural a escolhidos curtas de altíssimo nível.